sábado, 7 de dezembro de 2013

Boas Festas!!!


Um brinde a você!
Que desafia as impossibilidades da vida,
Que se mantém fiel em busca do sucesso,
Que sabe que é único e apesar das dificuldades
Consegue compreender que o caminho do sucesso ou do fracasso, depende somente da luta pelos seus sonhos ou da desistência deles.
Que o ano de 2014 seja repleto de Conquistas, Paz, Amor e Esperança
Feliz Natal e um Próspero Ano Novo !

São os votos da equipe da Lance Comunicação

Estaremos em férias coletivas de 21/12/2013 a 05/01/2014.

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Indaiatuba ganha sistema de lavagem automotiva ecológica


Franquia especializada garante resultado utilizando mix de produtos biodegradáveis

A AcquaZero, rede de franquias especializada em lavagem ecológica e estética automotiva, chega este mês a Indaiatuba oferecendo soluções para limpeza, conservação e restauração de veículos, com qualidade, responsabilidade social e respeito ao meio ambiente. Focada na necessidade do cliente, a empresa desenvolveu um sistema que substitui a água por produtos ecologicamente corretos, gerando assim desenvolvimento sustentável, aliado a missão de oferecer ao seu cliente o melhor custo-benefício nos serviços oferecidos e uma economia de cerca de 320 litros de água a cada lavagem de carro.

Segundo o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-SP), em Indaiatuba, circulam em torno de 111.699 veículos automotivos com quatro rodas. Considerando-se duas lavagens por mês, com um gasto de 320 litros por lavagem, o total de desperdício de água ao final de 12 meses, chegará perto de um bilhão de litros de consumo. Para o franqueado Indaiatuba, Enio Yuji Arita, essa preocupação com o meio ambiente foi a chave para o investimento na franquia, já que são utilizados produtos biodegradáveis que substituem a água em todos os serviços.  “Os produtos são ecologicamente corretos, não agridem o automóvel e nem o meio ambiente”, salienta Arita.

O líquido utilizado na lavagem é composto por diversos produtos, entre eles, a cera de carnaúba, e substitui a água na limpeza dos automóveis, o que, segundo o franqueado, resulta em um serviço muito mais preciso. Para garantir este resultado, é premissa da franquia contar com mão-de-obra altamente qualificada e treinada para seguir o elevado padrão de qualidade. A eficiência dos produtos utilizados para repelir a sujeira da lataria fica, comprovadamente, muito acima daquela encontrada nas lavagens comuns, que consomem um volume considerável de água e que, muitas vezes, não removem a sujeira. “Ao ser aplicado, o produto age amolecendo a sujeira, o que facilita sua remoção, sem o perigo de arranhar ou riscar a pintura”, reforça o franqueado.

Outra vantagem do sistema de lavagem ecológica é que, quando contínuo proporciona uma proteção extra para a pintura do carro, devido aos componentes da cera utilizada, evitando assim o acúmulo de sujeira na carroceria. “Essa técnica especial, que utiliza uma quantidade reduzida de água, o equivalente a um copo de 300ml, permite que o carro fique limpo, encerado e protegido contra males do tempo”, completa.

Além do sistema de lavagem ecológica, o cliente da AcquaZero conta ainda com um mix de mais de 10 serviços para seu veículo, entre eles enceramento, cristalização de vidros, limpeza técnica de motor, revitalização de plásticos, impermeabilização dos estofados, higienização de ar condicionado e de estofados, limpeza e hidratação de couro, revitalização e cristalização de pintura. Outra vantagem da AcquaZero é oferecer o serviço em sistema delivery ou seja, é possível lavar seu carro em sua casa, empresa, estacionamento ou em qualquer outro local, em até 45 minutos, para serviços de lavagem completa, que estará disponível em breve na franquia Indaiatuba.


A AcquaZero já está atendendo à avenida Presidente Vargas, 1475, Cidade Nova I, de segunda-feira a sábado, das 7h30 às 17h30. Mais informações pelo telefone (19) 3016 2255. Saiba mais acessando a página da franquia Indaiatuba na página do Facebook Acquazero Indaiatuba.

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Identifique alguns "monstros corporativos"

Em ritmo de Halloween, Catho aponta os ‘monstros corporativos’ 
Confira e identifique alguns tipos corporativos bem comuns:

Colega Múmia
Profissional que faz da empresa seu sarcófago. Parado no trabalho e estagnado na carreira, está sempre acomodado.
Como lidar? Evite este tipo de colega ou se tornar um deles. Seja proativo e procure participar das
atividades para crescer em sua carreira.

Colega Bruxa 
Adjetivo comumente ligado a chefes autoritárias ou colegas de trabalho desagradáveis,
a bruxa é uma figurinha comum em quase todas as organizações.
Como lidar? Se for um colega, tente ser cordial e falar estritamente o necessário. Se for o seu chefe,
tente dialogar para vocês conseguirem ter uma boa convivência.

Colega Fantasma
Colaborador que está sempre ausente nas decisões de uma equipe, ou até mesmo na empresa!
Como lidar? Não se sobrecarregue pela ausência do colega, chame-o para o trabalho, peça a opinião
e o envolva nas atividades realizadas, mostrando que no trabalho em equipe cada um participa com sua
parcela.

Colega Vampiro
É o funcionário sanguessuga, aquele que gosta de roubar boas ideias e projetos.
Como lidar? Não compartilhe informações importantes com este colega. Se for necessário, registre por
e-mail ou oficialmente para que você não tenha dor de cabeça.

Colega Cabeça de abóbora
Profissional com a cabeça vazia, e que não colabora com novas ideias.
Como lidar? Não se contagie com este tipo de postura, exponha sempre suas ideias e respeite as ideias
dos outros. Se possível, estimule o colega para que opine ou auxilie no aprimoramento de alguma ideia apresentada.

Sobre a Catho
A Catho, site de empregos líder no Brasil, está no mercado desde 1996 e tem como objetivo principal 
facilitar contratações, funcionando como um canal entre o candidato, que busca novas oportunidades, 
e as empresas e consultorias de RH que buscam candidatos. 

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Campanha de Prevenção do câncer de mama do SEPREV

Segundo tipo mais frequente em todo o mundo, o câncer de mama é o mais comum entre as mulheres e, somente em 2010 levou a óbito no Brasil mais de 12 mil mulheres e, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), esses altos índices de mortalidade se devem, na maioria das vezes, pelo diagnóstico tardio. Pensando nisso, o SEPREV (Serviço de Previdência e Assistência Social dos Funcionários Municipais de Indaiatuba) realiza, este mês, a 3ª edição do Outubro Rosa, campanha que visa conscientizar as mulheres sobre a importância da prevenção no tratamento da doença.

A campanha, que é uma iniciativa do departamento de Medicina Preventiva do SEPREV, acontece durante todo o mês e além da distribuição de folders em todas as autarquias e secretarias municipais, informativos que serão enviados por e-mail, ainda promoverá para os servidores municipais, no dia 25 de outubro, às 14h, uma palestra sobre o tema com o médico especialista em Ginecologia, Tulio José Thomaz do Couto, no auditório da Prefeitura Municipal de Indaiatuba.

Folders



Faixa e Empena
    Fachada do prédio 












Equipe do SEPREV com a camiseta 













A mamografia é um direito por lei de todas as mulheres acima de 40 anos e pode ser realizada gratuitamente pelo SUS (Sistema Único de Saúde). O autoexame também é uma forma de detectar a doença, mas somente um exame clínico poderá confirmar sua existência. É preciso lembrar que a prevenção primária está relacionada muito mais ao estilo de vida do que à hereditariedade. Está comprovado que apenas 10% do total de mulheres com câncer de mama tiveram outros casos na família. Por isso, manter um estilo de vida saudável, incluindo alimentação balanceada, exercícios físicos e exames preventivos, é a melhor forma de evitar ou detectar precocemente o câncer de mama. Saiba mais acessando o site http://www2.inca.gov.br.

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Como usar seu Instagram


Confira 10 dicas para você usar em seu Instagram

1) A primeira coisa antes de iniciar as dicas é entender que cada rede social tem sua função e suas pessoas. Não siga todo mundo que você já segue no Twitter e no Facebook. Senão vai virar mais do mesmo. Procure seguir quem publica fotos que vão ao encontro de seus interesses e gostos.

2) Nada de postar de 5 em 5 minutos. Na internet isto se chama floodar a timeline, ou seja, inundar de conteúdo. Use com moderação, tá?

3) Quer postar uma foto antiga? Que tal avisar e contar um pouco sobre aquele momento? Quem está deslizando pela timeline acha que tudo está acontecendo em tempo real.

4) O Instagram não é uma rede social de fome! Postar aquela foto do bolo lindo de aniversário, aquele prato exótico que você está comendo em sua viagem internacional até vai. Mas tem gente que não tem bom senso e publica tudo o que come. Do pão murcho ao miojo. Do arroz com ovo ao prato feito. Me ajuda, né Brasil? Comida no Instagram só se fugir do tradicional ou se tiver linda de viver! Se você não é um cozinheiro e aprontou na cozinha, relaxa, compartilha no Instagram que vai ser bacana demais ver o seu esforço.

5) Previsão do tempo é coisa de Jornal ou de aplicativo que já vem instalado no smartphone, ou seja, todo mundo que tem smarpthone também tem. Então deixe o seu lado Rosana Jatobá de lado. No início foi legal, mas já passou. As coisas na internet são bem instantâneas e cansam rápido. Foto com previsão de tempo já era!

6) Hashtag no Instagram? Sim, é possível buscar assuntos no Instagram por hashtag, mas pega leve. Umas 8 hashtags são suficientes. Tem gente que põe 20…40. Pra quê? Fica meia hora digitando aquele monte de hashtags.

7) Você pode adorar seguir a pessoa x, e curtir 90% das fotos dela. Mas isto não quer dizer que a pessoa seja obrigada a lhe retribuir e seguir você também. Se as relações podem ser de mão única, respeite. É brega demais pedir….fulano me segue? É a mesma coisa de pedir pra alguém gostar de você. Quem curte gosta e pronto.

8) Pelo amor de Deus não salve foto da internet ou de outro Instagram e poste na rede como se fosse sua. É o fim da internet! Seja original e compartilhe com o mundo o seu olhar. Se copiou, dê crédito ao autor.

9) A câmera frontal do smartphone é uma ideia legal demais. Dá até pra ver se o cabelo está bom, se a gravata está no lugar, porém, não ache que o Instagram é o seu espelho social. Tem gente que tira foto com biquinho, mandando beijinho, mostrando a bochechinha rosada, a espinha interna. Use a câmera frontal com bom senso, ainda mais se for postar a foto no Instagram.

10) E aquelas regras de não postar foto caído bêbado, com a mesa cheia de dinheiro porque acabou de receber aquela indenização, e com poses inadequadas para menores de 18 anos continuam. As fotos estão na internet e as coisas na internet não são escritas a lápis. Por mais que você delete, já está salva em algum lugar. Tome cuidado! Depois o seu nome poderá ser jogado no Google e sua reputação ser questionada.


terça-feira, 13 de agosto de 2013

IV Feira das Indústrias e Negócios acontece de 3 a 5 de setembro

Será realizada a IV Feira das Indústrias e Negócios de Indaiatuba de 3 a 5 de setembro das 15h às 21h no Pavilhão da Viber, localizado na avenida Almirante Tamandaré, s/n. Assim como nos anos anteriores, o objetivo da Feira é mostrar para a população de Indaiatuba e região os produtos fabricados no município e promover os negócios entre elas, para movimentar a economia local e regional. 
 A Secretaria de Desenvolvimento está recebendo as inscrições das empresas interessadas em expor seus produtos. Os estandes já estão sendo comercializados. Para efetuar a inscrição, a empresa deve ligar para (19) 3834-9264. A Feira será composta por 146 estandes mais a praça de alimentação. 
As empresas que já confirmaram a participação são: Nova Ivesa Veículos; Reducap Ltda; Daran Automação; Rekimam Empilhadeiras; Big & Strong Tecnologia em Gravação; Ceime Calibração; Versus do Brasil; J.Ferres Indústria de Embalagens; IC Eletrotecnica; HCCONSYS; Balilla Veículos; Policomp Indústria; Salazart; FSN Sinterizados; Birô 2000; Yanmar South America; Agritech Lavrale; Kion do Brasil 
John Deere; Indaiá Telas; Planeja; Rodomago Transportes; Action Motors; Seriprint; Santana Cortinas; Machmetais; Inductotherm Group; SEW Eurodrive; Shopstar Uniformes; Fisiomag do Brasil; Metasil; Abrasico; Print Line; Maxlan e New Mobile Móveis. 
O evento é patrocinado por: Arganet; Unimed Campinas; Governo Federal do Brasil e Banco do Brasil.

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Revista IC Notícias

Há mais de 35 anos a IC Notícias é um canal de comunicação entre o Indaiatuba Clube, seus associados e a sociedade indaiatubana. Com apresentação de projeto gráfico de alto padrão, o veículo permite exposição direta dos anúncios ao público alvo, já que sua distribuição é realizada por meio de marketing direto. É entregue na residência do titular via Correio e entregue também em pontos estratégicos da cidade, como clínicas e empresas.



Sobre a revista:
Público: A e B.
Associados titulares: 2000.
Tiragem: 2,5 mil exemplares.
Distribuição: Distribuída em pontos estratégicos da cidade, como clínicas e cafés.
Formatos de anúncio: Página dupla / Página simples / ½ de página / rodapé.
Entrega: Endereçada ao titular, a revista é entregue via Correio.
Mais informações ou consulta de valores para investimento:
Telefone: 19 3834-4050.

sábado, 27 de abril de 2013

Revistas Colinas & Terras

Conheça uma das revistas que a Lance comercializa



Revista entregue nas mais de 1800 propriedades dentro de um dos maiores e mais tradicionais loteamentos da cidade, que engloba o Recanto dos Pássaros, Colinas do Mosteiro de Itaici e Terras de Itaici. 

Público: A e B
Tiragem: 4.000 exemplares
Formatos de anúncio: página inteira / contra-capa / 1/3 página ou guia de serviços.
Entrega: É personalizada em nome do proprietário do imóvel e entregue via Correio.

Mais informações: 
E-mail: atendimento@lancecomunicacao.com.br ou pelo telefone 3834-4050.




terça-feira, 9 de abril de 2013

TENDÊNCIAS: TRADE MARKETING NAS EMPRESAS


O business costumer está em constantes transformações. O cliente está cada vez mais exigente e, manter sua fidelização, está cada dia mais complicado. A crescente concorrência dos mercados globais, aliada à forte exigência dos clientes e o clamor da sociedade por ações de cidadania e respeito ao meio ambiente estão provocando profundas alterações sistêmicas e endêmicas no universo corporativo. Essas empresas, ávidas para se manterem na liderança de seus segmentos, têm que acompanhar as mudanças e adotar novas estratégias.

Nos anos 90, a significativa influência do mercado varejista sobre a decisão de compra dos consumidores fez com que o poder de negociação entre o revendedor e o produtor trocasse de mãos. As indústrias tiveram que adotar um novo foco em suas estratégias de marketing. Era o início do Trade Marketing. No século XXI, é a vez das empresas de serviços começarem a olhar com outros olhos as suas relações B2B.

Graças à sua eficiência nos resultados corporativos, o Trade começa a ser incorporado pelo setor de serviços. As tradicionais negociações de compra e venda passam a ser feitas por gestores de contas especializados nos conceitos de Trade Marketing. A nova função foca as alianças estratégicas, a inteligência competitiva e a manutenção de negócios de longo prazo.

De fato, a filosofia que envolve oTrade Marketing é vital para o sucesso das operações e pode ser adotada por qualquer setor de mercado. Sua visão mais abrangente coloca sua meta no desejo de compra do consumidor, quer por serviços ou produtos, ou seja, busca a melhoria do relacionamento com os clientes de forma geral, sejam consumidores finais, distribuidores ou intermediários. É a aplicação da famosa máxima ‘pensar global e agir local’.

Atividade complementar da área de Marketing, para funcionar o Trade Marketing utiliza um mix de ferramentas, as quais estabelecem ações voltadas à conquista e fidelização do cliente final. Da mesma forma que a venda de produtos no varejo não é feita para o varejista, mas por meio deste, no Trade Marketing de Serviços, os representantes de vendas são participantes fundamentais na cadeia de relacionamento com o cliente final. São eles os grandes influenciadores na compra dos serviços e que também desenvolverão estratégias de marketing direcionadas aos seus canais de venda específicos. Seu objetivo será sempre o de descobrir como satisfazer o desejo de cada cliente individualmente, conhecer seus hábitos e preferências para definir quais as mídias e as mensagens que serão utilizadas na comunicação direta com esse público-alvo.

A implantação do Trade Marketing na área de serviços exige uma relação de confiança entre a matriz, os negociadores e os clientes finais. Esse amadurecimento deve valorizar o ganho mútuo e o relacionamento de longo prazo. Tal é sua importância, que já existem grandes empresas de serviços que dedicam equipes inteiras a um só cliente corporativo. Sua atividade já não se restringe somente ao fechamento da venda, mas à gestão estratégica responsável pela manutenção de tais contas, desvinculando a ideia de que somente o preço é fator decisivo. Sua atenção também está voltada para o valor agregado ao serviço: expertise, marca, benefícios, parcerias, garantias, agilidade e outras vantagens.

A marca permanece como o grande diferencial da organização, porém, as ações pontuais entre os setores da empresa e os gestores de contas passam a dar espaço a atividades integradas, à visão estratégica de longo prazo e a promoção de ações conjuntas, envolvendo toda cadeia de negócios, com foco em melhores resultados.

Já a escolha do Trade Marketer ou negociador é fundamental para que a área funcione como um relógio. O responsável pelo Trade Marketing precisa ter uma capacidade multidisciplinar, uma visão integradora e um forte poder de negociação. Esse profissional não é apenas mais um vendedor de serviços, é, antes de tudo, um consultor, um conhecedor das necessidades de seus clientes e um planejador com a capacidade de diagnosticar cada cenário, com a criatividade de antever as ações necessárias para o manejo das melhores práticas em cada caso. Deve ser um estrategista e conhecer profundamente a cultura da empresa que representa e aquilo que, de fato, pode oferecer a cada cliente numa atitude pró-ativa.

Em sua rotina diária deve interagir com o cliente, ser um gestor em busca de soluções duradouras, integração e relacionamento cooperativo. Além dessas qualidades deve ser um inovador nato, cujas habilidades se diferenciam como valor agregado aos serviços oferecidos no gerenciamento de contas especiais. Deve ter em mente que o resultado final da organização, como um todo, é obtido por meio da otimização de cada ação individual.

Somente com essa visão mais abrangente e pelo trabalho conjunto e coordenado dos times da organização, o Trade Marketing de Serviços poderá alcançar seus objetivos de lucratividade para a empresa e na satisfação das necessidades do cliente final.

Autor
*Ararê Patusca é administrador de empresas especialista em gestão corporativa, na prospecção de novos negócios, na captação e desenvolvimento de investimentos e investidores nacionais e internacionais. Atualmente é diretor corporativo de gestão de pessoas da Arezza (www.arezza.com.br). E-mail: linkarezza@linkportal.com.br

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Por que o atendimento telefônico pode se tornar um vilão para a empresa?


“O telefone é hoje o grande balcão de atendimento da empresa”.

Mensagens padronizadas são criadas para o atendimento telefônico... É uma faca de dois gumes, pois essa economia pode gerar desperdício para a empresa. Quem não se cansou de ouvir; aguarde, sua ligação é muito importante para nós... Ou, se irritar quando a pessoa que atende não dá atenção ao que se pleiteia. Isto é, não ouve as necessidades do cliente. Preocupa-se em falar somente o que lhe foi programado através de um script.. Portanto, ao contrário do que pregam, nós, clientes, não somos importantes, mas, indesejáveis, pois, muitas vezes, percebemos que estamos atrapalhando ou aborrecendo ao ligar para uma empresa, seja para cobrar, comprar, marcar visitas, obter informações ou falar com algum setor/profissional. E o jogo de empurra? Ah! Isso não é comigo....
Muitas empresas se preocupam com o atendimento frente a frente, esquecendo-se de que o telefone é o meio de comunicação usado para agilizar e otimizar o tempo na prestação de serviços.. Enquanto que no primeiro processo, passam-se informações através da linguagem corporal, ao telefone a ferramenta que temos para passar atenção, acolhimento, conhecimento, é a voz. As emoções do momento são refletidas através deste tom de voz que pode demonstrar tanto um atendimento acolhedor e profissional quanto menosprezo, irritação, pouco caso e total despreparo do profissional. Um mau atendimento compromete não só a imagem da empresa como a de todo o seu staff. Por esse motivo, na maioria das vezes não se concretiza o atendimento frente a frente, pois o cliente já procurou outro concorrente.
Como sua empresa atende seus clientes ao telefone?
- Consultóório...
- Alô...
- Eu...
- Quem fala?
-Oi...
Se reconhecer algumas das saudações acima, preocupe-se. Está na hora de mudar paradigmas ou seus clientes mudam de empresa/prestador de serviços.
Colunista - Adélia Maria Ribeiro
Bioquímica farmacêutica com especialização na França. Dedicando-se à observação do lado comportamental e humano das pessoas, paralelamente, desenvolveu carreira como Consultora na área comportamental com a Lacre Consultoria, da qual é sócia. Ministra treinamentos e palestras sobre os temas “Comportamento Social” e “Postura Profissional”, “Relações com Cliente”, “Comportamento e Postura no Atendimento Telefônico” em diferentes ramos de empresas, tais como educacional, financeiro, comercial, saúde, agronegócio, Órgãos Públicos, etc. Co-autora do livro “Respeito é bom e todo mundo gosta” – Ed. Paulinas 2011.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

A alma de uma fotografia

Leica em campanha no Brasil


Confira (abaixo) o primeiro filme feito para a Leica na história do país. Criado pela F/Nazca Saatchi & Saatchi, o filme faz parte de uma campanha que apresenta ao mercado brasileiro a M-Monochrom, a câmera digital da Leica que só faz fotos em preto & branco. Com o conceito “Toda Leica tem alma” a campanha também reforça o posicionamento institucional da marca. 

Narrado em alemão, o filme P&B revela a história de uma Leica III que morreu nas mãos de um grande fotógrafo. 58 anos depois, ela, a câmera, volta à vida no modelo que é a reencarnação do preto e branco.

Segundo Eduardo Lima, diretor de criação da F/Nazca Saatchi & Saatchi, “cada frame do filme foi pensado como se fosse uma fotografia”. A direção de cena é de Vellas, da Sentimental Filme, com direção de fotografia de André Faccioli. A equipe passou ao todo 10 dias no exterior para a produção do filme “Alma”. 

No Facebook (monochrom.com.br), outras máquinas Leica que pertenceram a fotógrafos famosos voltam à vida, e ganham seu próprio perfil na rede social. Agora reencarnadas na M-Monochrom, elas passam a acompanhar artistas contemporâneos como Bob Wolfenson e Marcio Scavone em ensaios em preto & branco.

Ao todo cinco perfis fazem uma releitura dos fatos sob o ponto de vista da máquina, dando voz para algo inanimado. A timeline das câmeras recupera momentos marcantes de suas trajetórias, anuncia a sua morte e a data da sua reencarnação. A partir daí, os ensaios com a M-Monochrom começam, expondo a “alma” da fotografia p&b numa perspectiva moderna. 

Para os que acreditam que a foto em preto e branco só fica boa quando registrada em filme, a nova Leica promete uma reavaliação do universo digital. Como o sensor da M-Monochrom não distingue as cores, o resultado é verdadeiramente monocromático e incrivelm
O novo modelo da marca alemã é todo preto, sem o logo vermelho clássico da Leica na frente. O nome Leica está grafado no topo da câmera, como nas primeiras versões da linha M, criada em 1954.

Veja o vídeo:


Ficha Técnica 
Agência: F/Nazca Saatchi & Saatchi
Categoria: Filme
Cliente : Leica
Título : “Alma”
Produto: Leica M-Monochrom
1ª data: 09/01/2013
Duração: 1’40’’
Direção de Criação: Fabio Fernandes | Eduardo Lima
Criação: Bruno Oppido | Thiago Carvalho | João Linneu
Head Of Art: João Linneu
Rtvc: Victor Alloza
Atendimento: Marcello Penna | Melanie Zmetek
Mídia: Lica Bueno
Planejamento: José Porto | Rafael Paes
Produtora: Sentimental Filme
Direção: Vellas
Diretor de fotografia: André Faccioli
Montador: Talles Martins
Finalizadora: Sindicato
Produtora de som: Satélite Áudio
Produtor: Equipe Satélite
Locutor: Christine Behm
Aprovação Cliente: Luiz Marinho.














Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...